Alimentação Dicas e Curiosidades Saúde e Bem-Estar

Como montar uma lancheira saudável para seu filho – Parte 2

No último artigo mencionamos algumas dicas para construir um hábito de alimentação saudável para seus filhos. Confira a segunda parte para percorrer esse longo caminho!

Opções de alimentos saudáveis para a lancheira dos seus filhos

Tendo o conhecimento necessário do que é importante na alimentação de seu filho e sabendo como utilizar ingredientes mais saudáveis ao invés dos tradicionais no preparo de receitas saborosas, é hora de abrir o leque de opções de “pratos” para colocar na lancheira saudável de seu filho e contribuir para o seu crescimento:

  • Saladas de frutas: a salada de frutas é uma das opções mais práticas e saudáveis de alimentos para as crianças. É importante saber escolher as frutas certas para combinar, tendo como objetivo criar uma combinação saudável e saborosa para o seu filho. Três frutas são suficientes. Outro ponto importante é a necessidade de vedar o pote para que as frutas não percam o sabor mais rapidamente;
  • Sanduíche integral: outra opção de alimento de preparo relativamente rápido que é muito utilizada pelos pais na hora de montar uma lancheira saudável, o sanduíche integral precisa ser preparado com ingredientes saudáveis. Muitos pais acham que o peito de peru e o presunto são ingredientes saudáveis, mas é preciso evitá-los: ambos são embutidos e cheios de aromatizantes e sódio. Troque o recheio por atum, frango desfiado ou um patê combinado com ervas finas ou ricota. São muito mais saudáveis e fornecem nutrientes importantes para o crescimento das crianças;

Não se esqueça de conferir a parte 1 sobre como montar uma lancheira saudável!

  • Iogurtes: iogurtes e petit suisses são muito comuns nas lancheiras. Para manter estes alimentos prontos para o consumo, congele-os um dia antes e tire-os do congelador na hora em que for levar seu filho para a escola. Desta forma, assim que a hora do recreio chegar, o iogurte estará pronto para o consumo. Estes alimentos são boas fontes de proteína e são saborosos, logo, são alguns dos alimentos preferidos das crianças;
  • Cereais e oleaginosas: alguns dos alimentos mais nutritivos que existem, as oleaginosas também podem fazer parte de um cardápio montado para a lancheira saudável de seu filho. É comum encontrar em mercados e casas especializadas os mix de cereais e oleaginosas, que contam com castanhas, amêndoas, nozes, granola, entre outros cereais. Estes mix podem ser comidos separadamente ou misturados com a salada de frutas ou com os iogurtes. As opções são diversas!
Alimentação Divertida
Alimentação Divertida

A importância da variedade de cardápios

Se existe uma coisa que as crianças detestam é monotonia e rotina. Elas estão sempre cheias de energia e em constante movimento. Precisam de coisas novas para fazer e comer. Há um inimigo constante dos pais na hora de controlar a alimentação de seus filhos: a mesmice na hora de preparar a lancheira deles. E aqui entram aqueles dois fatores do início do texto: a falta de tempo e disposição dos pais para criar novos cardápios e a própria alimentação adulta dentro de casa.

A falta de criatividade dos pais para se alimentarem se reflete na hora de criar novas opções para montar a lancheira saudável dos filhos. Quando as opções acabam, os cardápios começam a se repetir com mais frequência. É fato que a repetição irá acontecer em algum momento. Mas é preciso que os adultos explorem ao máximo todas as combinações possíveis de alimentos e bebidas para que esta repetição demore o maior tempo possível para acontecer.

Busque variar com alimentos coloridos e atrativos
Busque variar com alimentos coloridos e atrativos

Quando a repetição começa a aparecer com mais frequência, a lancheira dos colegas começa a parecer cada vez mais interessante. E, como já foi dito, nem sempre a lancheira do colega contém os alimentos saudáveis que você tanto preza na hora de montar a lancheira do seu filho. É aí que a criança começa a questionar os pais sobre a obrigatoriedade de comer apenas os tais alimentos saudáveis e sobre a proibição das guloseimas. Se isso chegar a acontecer, é importante manter um diálogo franco e convincente com os filhos: é necessário que ele entenda que a alimentação saudável (como a que você está propondo sempre) será importante para a saúde dele.

Veja também: Qual o tipo de tecido ideal para o meu bebê? e mais: Dicas para preparar o seu filho para a voltas às aulas

Os resultados da boa alimentação e os problemas evitados

Ter uma cultura saudável na alimentação das crianças desde cedo irá trazer inúmeros benefícios para a saúde delas. O crescimento será normal, o desenvolvimento psicológico e intelectual se dará de forma natural e correta, a criança não sofrerá com anemias ou outros problemas relacionados à falta de nutrientes importantes, como o potássio ou o ferro, e será possível evitar doenças relacionadas à imunidade baixa, como resfriados, gripes ou bronquites.

Com um organismo mais forte e preparado, seu filho terá as condições necessárias para se desenvolver e certamente irá te agradecer no futuro por ter lhe dado estas condições. Nem sempre controlar a alimentação de seus filhos será uma coisa fácil. As guloseimas que os colegas e os amigos possuem irão ser tentadoras em muitas ocasiões, mas, depois de alguns anos, todo o esforço terá valido a pena e seu filho será um jovem e um adulto mais saudável. Tenha em mente que você é um exemplo para seus filhos e você conseguirá controlar a alimentação deles de forma mais tranquila. Torne as refeições momentos de alegria, interaja com seus filhos, passe informações sobre os alimentos, procure fazer do ato de comer um momento dinâmico e diferente para que os alimentos saudáveis sejam atrativos para as crianças.

Somando alimentos saudáveis, cardápios diversificados, bom diálogo e disposição para preparar alimentos elaborados e atrativos, você certamente conseguirá montar uma lancheira saudável para que seu filho possa ir à escola munido de tudo que ele precisa diariamente para ter uma saúde de ferro e um desenvolvimento pleno sem comprometer as funções de seu organismo durante toda a infância e juventude. Seja um pai ou uma mãe responsável, se torne o espelho que seu filho espera de você: uma boa educação para o seu filho também passa pela boa educação alimentar, seja pelo seu exemplo diário, seja pelos alimentos que você provê ao seu filho durante o dia a dia dele, onde quer que ele esteja.

Vai montar um enxoval de bebê? Confira 5 coisas extremamente dispensáveis

Deixe seu comentário

comments

Deixe um comentário