Comportamento Infantil Educação Maternidade

Os erros que todos os pais cometem ao dar bronca

como dar bronca de maneira efetiva

Durante os momentos críticos das birras e principalmente da teimosia dos pequenos, é muito fácil cometermos erros ao dar uma advertência.

Para ajudar você nessa difícil tarefa de dar uma bronca que realmente funcione, vamos ensinar táticas para que você evite exageros e maneiras ruins de chamar a atenção do seu filho.

O que você deve evitar na hora de dar uma bronca?

Gritar

Se você já brigou com seu filho, provavelmente já deve ter levantado a voz para mostrar autoridade, certo?
Pois bem, essa é uma atitude totalmente desnecessária e que no fim das contas, acaba piorando a situação.

O ideal é que o tom de voz seja “firme”. Sem exaltações. Você só precisa mostrar que está falando de forma séria sobre um problema que não deve ocorrer mais vezes.

Você lembra da expressão “quem levanta a voz perde a razão”? Isso serve para essa situação também.

Ameaçar

Outro erro que todos os pais cometem.

Incentivar bons modos por meio do medo não funciona!

Chega de ameaçar seu pequeno com monstros ou situações sem nexo.

O importante é fazer com que seu filho entenda o porquê de estar sendo punido e como ele pode evitar que isso ocorra novamente.

Fazer discurso

A atenção dos pequenos dura bem pouco, principalmente se for para levar uma bronca.

Seja direto e breve com as palavras, e passe a informação de maneira clara e de fácil entendimento.

Não se prolongue ou dê voltas enormes para explicar uma situação.

Amolecer

É complicado resistir à carinha de “coitadinho” dos pequenos né?

Essa é uma arma que eles sabem muito bem como usar, por isso, controle suas emoções!

Lembre-se que você não está fazendo por mal, e que a bronca é uma forma de educar e evitar problemas durante o seu crescimento.

Não perca o foco e mostre autoridade (da forma correta) para que seu filho continue a te respeitar.

Usar comida

Jamais faça chantagem que envolva comida.

Geralmente a recompensa é sempre uma doçura ou sobremesa que seu filho adora, e por esse motivo quando você pedir para que ele coma coisas que não gosta, pode acabar pensando que está sendo punido por alguma coisa.

Não cumprir o que foi combinado

Aí não né.

As crianças são muito boas em guardar na memória promessas que fazemos a ela.

Se você quer a confiança e o respeito dos pequenos, não pode permitir que isso aconteça.

Caso necessário, anote o que foi combinado para que você não esqueça da promessa.

Não dar o exemplo

É impossível cobrar dos outros o que você mesmo não faz, não é mesmo?

Por isso, busque sempre ser o exemplo do seu filho, e mostre para ele o quão legal é seguir as normas e ser uma boa pessoa!

Humilhar o pequeno (seja em casa ou em locais públicos)

Comparar com outras crianças

Xingar

A lista pode até parecer extensa, mas vale muito a pena começar a praticar essas dicas na hora de dar a tão temida bronca.

A bronca não pode ser um trauma na mente da criança. Ela precisa entender que esse momento é uma conversa mais responsável, na qual ela deve refletir sobre seus atos.

Após a bronca, é interessante que você incentive o pequeno a repetir o que ele fez. Mas dessa vez da maneira correta.

Busque uma solução com ele, para que caso ele se depare com a situação novamente, saiba a melhor maneira de reagir.

E se por acaso você passou dos limites, nunca é tarde para pedir desculpas.

Você também vai gostar:

Deixe seu comentário

comments

Deixe um comentário