Dicas e Curiosidades Moda Infantil

Qual tipo de tecido ideal para o meu bebê?

qual o melhor tipo de tecido para o bebê

Todo cuidado com nossos bebês é pouco! Saiba quais os melhores tipos de tecido para o seu bebê.

Os bebês possuem uma pele bem mais sensível e delicada que a pele dos adultos. Por isso mesmo, precisam de roupinhas confeccionadas com tecidos adequados, além de uma costura que não machuque, ou seja, desconfortável para o recém-nascido, para que não tenham problemas com alergias e assaduras, entre outros. A indústria têxtil de moda infantil, por sua vez, nunca ofereceu tantas opções e tecidos tecnológicos como oferece hoje.

Com excelentes fabricantes de roupa para bebê no Brasil, o mercado propõe peças voltadas exclusivamente para os primeiros meses de vida da criança. Alguns dos tecidos mais utilizados são: o algodão, o plush, o tecido misto (algodão + poliéster), o algodão com lycra e a lã. Cada tipo de tecido oferece as suas vantagens e desvantagens, e é essencial estar atento às necessidades do bebê para comprar as roupas adequadas.

Quer saber qual seria o tipo de tecido ideal para o seu bebê? Então confira as dicas e informações sobre o tema que selecionamos para você! Veja abaixo:

Algodão

As roupinhas de bebê fabricadas em algodão são as mais adequadas para auxiliar em relação à saúde e desenvolvimento da criança. Isso porque o tecido de algodão torna as peças macias e confortáveis, além de permitir que a pele respire muito bem. Com as roupas de algodão o bebê pode se mexer e brincar à vontade, sem ter de se preocupar com machucados ou assaduras.

bodies de algodão para bebês em promoção

O tipo de tecido também é um dos mais indicados para as crianças alérgicas, já que é fácil de higienizar e permite à pele respirar sem transtornos. No entanto, nem sempre é fácil encontrar as roupas fabricadas 100% em algodão e essas peças costumam, também, ser um pouco mais caras. Tudo depende do bolso da mamãe!

Plush

Elegantes e quentinhas, as peças fabricadas com plush são um verdadeiro mimo, deixam a criança muito bonitinha, mas podem ser um problemão para os pequenos quando eles são alérgicos. Isso porque o plush é um tecido felpudo, que armazena pó e sujeiras com mais facilidade, e também pode causar algumas alergias pelo corpo nos bebês mais sensíveis. Por sua vez, o mercado já oferece excelentes opções de tecidos tecnológico com plush, adequados para todos os pequenos.

Tecido Misto

O tecido misto, geralmente, é produzido 80% em algodão e 20% em poliéster, se tratando de um material que é encontrado em boa parte das roupas para bebê. As maiores vantagens é que essa opção oferece a secagem mais rápida das peças e as roupas de tecido misto não amassam. No entanto, o tipo de tecido tem a desvantagem de esquentar muito quando exposto às temperaturas mais altas. Tudo depende da relação de custo-benefício, já que essas peças são mais em conta.

Algodão com Lycra

Esse é um tipo de tecido muito bom para a saúde e o desenvolvimento dos bebês. Confortáveis e elásticas, as peças de algodão com lycra, como os bodies e calças, são excelentes para que a criança tenha maior liberdade de movimento e possa brincar e se mexer confortavelmente, sem problemas em relação a roupas apertadas. Além disso, são roupinhas que se destacam pela beleza e se ajustam perfeitamente ao corpo do bebê.

Ideais para os dias mais frios do ano e geralmente muito elegantes, as roupinhas de lã não podem ser lavadas na máquina e devem ser evitadas pelas crianças alérgicas, podendo causar coceiras e sensação de mordidas de inseto na pele dos bebês mais sensíveis. Os pequenos ficam muito bonitinhos e fofinhos com as roupas de lã, linho e cashmere, porém a opção só é indicada, mesmo, se o bebê está completamente livre das alergias.

Você também vai gostar de:

Deixe seu comentário

comments

Deixe um comentário