Dicas e Curiosidades

Volta às aulas: dicas para preparar o seu filho

O fim das férias se aproxima e junto vem as preocupações com os filhos, que ainda estão eufóricos e entusiasmados.

Volta às aulas: como preparar o meu filho?
Volta às aulas: como preparar o meu filho?

Cada dia é aproveitado ao máximo e as férias de fim de ano trazem muitas datas comemorativas, em que elas se divertem ainda mais. Contudo, a farra deve ficar cada vez menor, à medida que a data para a volta às aulas fica mais e mais perto.

Na maioria das vezes os pais planejam a volta à rotina. Alguns levam as crianças para a escola. Outros contratam um veículo particular. Nas férias, os meninos e meninas trocaram as horas de estudos por brincadeiras. Durante as aulas, as brincadeiras dão mais espaço para os estudos. O período de férias obviamente é menor do que o de aulas. Contudo, é preciso tomar cuidado nas fases iniciais, quando os primeiros dias são importantes para os pequeninos.

Geralmente, as crianças ficam ansiosas principalmente no primeiro dia de aula, já que mudanças sempre proporcionam insegurança. Quando há trocas pontuais, como de professores e amigos de sala, o nervosismo está presente. Se a troca for de escola, o preparo deve ser ainda maior.

De modo geral, a escola é uma instituição que simboliza o compromisso acadêmico. É um espaço onde os filhos são submetidos a situações que desenvolvem os seguintes elementos:

  • Responsabilidade;
  • Disciplina;
  • Cumprimento de tarefas e horários.

Acompanhe seu filho todos os dias, se preciso, converse com professores e funcionários da escolha. A sua participação é muito importante pra ele 🙂

A readaptação das férias para as aulas

Mudanças de uma hora para outra podem causar traumas e o processo de readaptação exige tempo. Normalmente, demora em torno de uma semana para que a criança esteja no clima de aula. A recomendação é que o processo de transição seja feito antes mesmo de terminar as férias.

Para que as mudanças possam ocorrer sem conflitos é importante que os pais assumam posturas condizentes com o contexto escolar. Para tanto, é fundamental que algumas medidas sejam tomadas, tais como:

  • Incentivar à leitura;
  • Voltar a dormir cedo;
  • Organizar materiais de estudo.
Incentivar à leitura, voltar a dormir cedo e organizar os materiais de estudo são algumas das dicas para readaptar seu filho a volta às aulas
Incentivar à leitura, voltar a dormir cedo e organizar os materiais de estudo são algumas das dicas para readaptar seu filho a volta às aulas

Os pais também podem dar cada vez menos espaço para os filmes, videogames, computadores; por outro lado, os livros, os amigos de escola e os professores passarão a estar mais presentes, quando as aulas se iniciarem. Para que tudo isso aconteça sem problemas, a readaptação tem que ter ocorrido antes mesmo do primeiro dia.

Os pais devem levar em consideração o comportamento dos filhos durante o processo. Atitudes rebeldes e conflituosas merecem mais atenção e cautela, pois pode haver algo de errado, além da simples volta. Já aqueles que aceitam melhor a mudança de rotina serão mais fáceis de lidar.

Motivação nos estudos

O processo de aprendizagem é como uma pista de mão dupla, ou seja, é o aluno e professor que contribuirão para o resultado final, em qualquer momento da fase acadêmica.

Bons professores incentivam seus alunos a quererem aprender cada vez mais e bons alunos sempre estão dispostos a melhorar.

Volta às aulas: esteja por perto para acompanhar a evolução do seu filho
Volta às aulas: esteja por perto para acompanhar a evolução do seu filho

Contudo, o sistema educacional brasileiro determina que sejam estabelecidos critérios de rendimentos, como forma de avaliação.

Para os alunos que estiverem com rendimento abaixo do considerável é preciso que haja um trabalho em conjunto envolvendo aluno, pais e professores, para que ele possa melhorar.

Já aqueles que vão bem devem receber estímulos para que continuem assim, fazendo atividades aos fins de semana das quais gostem, como forma de recompensa.

Deixe seu comentário

comments

Deixe um comentário